Quartas, às 24h, na TV Brasil
(Canal 2, 18 NET, 166 SKY)
DIRETO DO TWITTER: 

Assista aqui o último programa na íntegra!
Natália Lage entrevista o documentarista, roteirista, diretor e montador Pedro Asbeg.
Programa - 113/823 - 25-08-12
REVISTA - Vinte vezes Anima Mundi

De uma pequena mostra de cinema de animação a um dos maiores festivais do gênero no mundo, o Anima Mundi este ano comemorou 20 anos com 448 filmes em sua programação e ainda conquistando o status de indicação ao Oscar para curtas de animação, ou seja, o grande vencedor de 2012, passa imediatamente a pertencer à pré-seleção dos filmes que irão concorrer ao Oscar 2013. Esta é uma grande conquista, mas com certeza não é a única. Em duas décadas, o Anima Mundi vem realizando uma enorme contribuição para a formação de público brasileiro para as animações de todos os formatos, fazendo compreender melhor que animação não se trata somente de desenhos, mas de uma grande diversidade de técnicas que podem ser direcionadas tanto ao público infantil quanto ao adulto. Por isso o festival é dividido em diferentes mostras, entre elas as mostras Infantis, Futuro Animador e Longas Infantis, recomendadas para crianças, além das mostras adultas, com sessões recomendadas somente para maiores de 14 anos.

Para celebrar e recordar os 20 anos do festival também foi montada uma exposição no monumento ao fundador da cidade, Estácio de Sá, na entrada do Parque do Aterro do Flamengo. Neste espaço, uma sala subterrânea criada pelo arquiteto Lúcio Costa, várias instalações e objetos apresentavam a história da expansão do festival e da arte da animação no Brasil e no mundo.

O Anima Mundi já é o segundo maior festival do gênero, atrás apenas do de Annecy, na França, e contabiliza recorde de inscrições. Somente este ano, foram mais de 1,6 mil, o que comprova que esses 20 anos serviram para sedimentar muitas coisas, formar um público para o setor, um mercado de animação no país. Tudo isso é motivo de muito orgulho pra todos nós.


REALIZAÇÃO
image
EQUIPE
REVISTA DO CINEMA BRASILEIRO é uma produção independente, em co-produção com a TV pública brasileira - TV Brasil, focada na diversidade do audiovisual brasileiro.
APOIO TÉCNICO


Desenvolvido por HERCULA